Site especializado em análise de câmeras digitais
Pesquisa 

Memória Interna e Cartões de Memória
B. C. Deiró              
Em lugar dos filmes para 12, 24 ou 36 poses das câmeras analógicas, as fotos tiradas com os modelos digitais são armazenadas na memória interna da máquina e em cartões de memória. Diversas digitais possuem memória interna e praticamente todas são equipadas com slot para cartão de memória que irão expandir o espaço de armazenagem.
 
A fotografia digital é considerada
mais acessível que a tradicional e uma
das razões está na substituição dos filmes
de celulose por cartões de memória que, embora mais caros, comportam
muito mais fotos e são reutilizáveis.
Ou seja, você compra uma vez e perde a
conta de quantas fotos tira com ele. 
  Cortesia Nikon - Edição Câmera versus Câmera
Nikon D3, especial SLR que aceita 2 cartões CF
Além do mais, o gasto com revelação foi abolido: basta despejar o conteúdo da memória ou do cartão num computador, e as fotos estarão prontinhas para serem exibidas na rede ou impressas. Outra boa nova da era digital é que ela nos liberou daquela frequente e, para muitos, complicada tarefa de colocar filme na máquina. Introduzir o cartão é bem mais simples!
O espaço oferecido pela maioria das memórias internas das digitais é bastante modesto, suficiente apenas para você dar alguns cliques, como para testar a câmera que acabou de adquirir. Sessões prolongadas de fotos, especialmente ao selecionar as mais altas resoluções e qualidade disponibilizadas pelo equipamento, exigem mais espaço. Será necessário comprar o tipo de cartão de memória compatível com o modelo da câmera, indicado pelo fabricante. Esses cartões possuem gigabytes de espaço para você fotografar e filmar à vontade!
Voltar
 
 
 
Todo o conteúdo deste website é de autoria e propriedade do Câmera versus Câmera e está protegido
pela lei dos direitos autorais. Sua reprodução é proibida e sujeita às penalidades da lei. Saiba mais...
Copyright  ©  2006 - 2016    Câmera versus Câmera    Todos os direitos reservados